post

O tipo de comunicação que mais desafia as empresas é aquela destinada ao público interno, cujas organizações julgam erroneamente ser a que mais conhecem. Chamada de Comunicação Interna, a ação é parte de um trabalho de Endomarketing que valoriza e aprimora as relações com seus funcionários. Em contrapartida, busca-se uma produção mais eficiente, a melhoria do atendimento aos clientes e o favorecimento do desenvolvimento do negócio como um todo.

No setor de Tecnologia da Informação, em constante desenvolvimento e aperfeiçoamento devido ao crescimento diário de novas plataformas, programas e aplicativos, a exigência por uma Comunicação Interna eficiente tem sido cada vez maior e chega na organização com o objetivo de inspirar um novo clima organizacional, mais produtivo e participativo.

Para Alex Bertoldi, consultor em gestão de pessoas, nesse setor, a qualidade da comunicação é um fator crítico pois as empresas possuem básica técnica e, desta forma, a troca de informações deve ser muito clara e constante. “Uma boa comunicação no ambiente interno facilita que talentos sejam evidenciados além de ajudar na resolução de problemas. O ganho é dos dois lados pois toda falha de comunicação resultará em perda de eficiência ou retrabalho, refletindo em desperdício de tempo”, esclarece.

Mesmo muitas vezes não tendo um departamento institucionalizado da área, uma empresa pode trabalhar a CI por meio de outros departamentos e até mesmo profissionais terceirizados, utilizando-se de diversos canais, a começar pelos próprios líderes que devem promover diálogos e gerar avaliações de desempenho com seus respectivos feedbacks. Desta forma, é de extrema importância que o trabalho envolva ou esteja alinhado com o setor de Recursos Humanos.

Os planos mais comuns na área de Comunicação nas empresas de TI envolvem a utilização de canais como intranet, TV´s Corporativas, informativos direcionados online e off-line, redes sociais corporativas, distribuição de monitores de TV pelos departamentos ou placas de comunicados em pontos estratégicos bem como campanhas sazonais que envolvam toda a equipe, diminuindo, desta forma, os ruídos da comunicação causados por boatos e informações truncadas. Devido à familiaridade com a tecnologia, nas empresas de TI, a intranet costuma ser a maior aposta das empresas, visto que o acesso interno a computadores, tablets e smartphones é massivo. No entanto, o consultor explica que diante da rapidez das informações, conteúdos referentes a assuntos internos de interesse geral devem ser atualizados periodicamente. “Importante também identificar o modelo de comunicação para cada tipo de negócio”, complementa Bertoldi.

A Consinco SA, fornecedora de software para o varejo, possui ações como intranet e rede social interna e trabalha na capacitação dos gestores para o papel diário de porta-vozes da empresa e de suas esquipes. “A eficiência da Comunicação não pode ser apenas medida por quantidade de campanhas ou publicações, mas também ‘percebida’ no ambiente organizacional pelo alinhamento de discurso e direção estratégica. Este trabalho é a espinha dorsal da estratégia organizacional, por isso a necessidade de um profissional que conheça o posicionamento estratégico da organização e seja capaz de ‘traduzi-lo’ para seus diversos públicos considerando a diversidade de interesses”, explica Nanci Erthal, gestora de Recursos Humanos da empresa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>